Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese
Ultimas Atualizações
PROCURANDO UM AMIGO?  (07-08-2018)
SUPERANDO LIMITES  (07-08-2018)
VIVER  (07-08-2018)
RAIO DE LUZ  (07-08-2018)
EU, O NATAL E A BÍBLIA  (07-08-2018)
ADORAÇÃO E LOUVOR  (07-08-2018)
SERVO DO SENHOR  (07-08-2018)
MINHA META
Qual sua meta para 2.018?
Arrumar um emprego
Voltar a estudar
Passar no vestibular
Comprar uma casa
Ser pvomovido na empresa
Realizar um sonho
Nâo tenho meta ainda
Ver Resultados

Rating: 2.8/5 (1932 votos)

ONLINE
3
Partilhe esta Página



 

 

 

 s

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


MINHA FAMÍLIA é um projeto de Deus
MINHA FAMÍLIA é um projeto de Deus

1º semana:

 

RECONTRUINDO O ALTAR DE DEUS NA FAMILIA

 

Vós, mulheres, sujeitai-vos a vossos maridos, como ao Senhor;

Vós, maridos, amai vossas mulheres, como também Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela,

(Efésios 5: 22 . 25)

 

                Quando falamos em ALTAR, lembramos um espaço ou um objeto sagrado, destinado a uma cerimônia religiosa.  ALTAR DA FAMILIA se refere a um momento sagrado em que a família se reúne para um dialogo ou para uma refeição juntos, até mesmo para um momento de oração e reflexão do que aconteceu no dia.

Infelizmente em nossos dias as famílias não têm mais esse momento a sós, onde pai, mãe e filhos podem conversar sobre tudo, principalmente sobre os problemas que os assola, pois existem outros valores que ocupam esse espaço entre as famílias modernas, e o resultado de tudo isso é a grave degradação das famílias e o enorme crescente número de divórcios, que muitas vezes acontecem por causas banais.  Parece até que se esquecem do voto que fizeram perante Deus e perante a sociedade no dia do casamento, que diz:

Noivo: “Eu (nome do noivo) , recebo-te por minha esposa a ti (nome da noiva), e prometo ser-te fiel, amar-te e respeitar-te, na alegria e na tristeza, na saúde e na doença, até que a morte nos separe”.

Noiva: “Eu (nome da noiva) recebo-te por meu esposo (nome do noivo) e prometo ser-te fiel, amar-te e respeitar-te, na alegria e na tristeza, na saúde e na doença, até que a morte nos separe”.

Mas hoje mudou esse voto, agora é ATÉ QUE UMA TRAIÇÃO NOS SEPARE ou ATÉ QUE AS COISAS DO MUNDO MODERNO NOS SEPAREM.  É lamentável isso, pois não foi isso o que Deus planejou para a humanidade, como vemos na mensagem bíblica acima citada.

                Vamos refletir na letra dessa musica:

Utopia

Padre Zezinho

Das muitas coisas
Do meu tempo de criança
Guardo vivo na lembrança
O aconchego de meu lar

No fim da tarde
Quando tudo se aquietava
A família se ajeitava
Lá no alpendre a conversar

Meus pais não tinham
Nem escola, nem dinheiro
Todo dia, o ano inteiro
Trabalhavam sem parar

Faltava tudo
Mas a gente nem ligava
O importante não faltava
Seu sorriso, seu olhar

Eu tantas vezes
Vi meu pai chegar cansado
Mas aquilo era sagrado
Um por um ele afagava

E perguntava
Quem fizera estrepolia
E mamãe nos defendia
Tudo aos poucos se ajeitava

O sol se punha
A viola alguém trazia
Todo mundo então pedia
Pro papai cantar com a gente

Desafinado
Meio rouco e voz cansada
Ele cantava mil toadas
Seu olhar ao sol poente

Passou o tempo
Hoje eu vejo a maravilha
De se ter uma família
Quando tantos não a tem

Agora falam
Do desquite e do divórcio
O amor virou consórcio
Compromisso de ninguém

E há tantos filhos
Que bem mais do que um palácio
Gostariam de um abraço
E do carinho entre seus pais

Se os pais amassem
O divórcio não viria
Chamam a isso de utopia
Eu a isso chamo paz

            Essa musica fala de uma realidade vivida pelas famillias do passado, onde não tinham nada de bens materiais, mas eram felizes porque a família era unida, se reuniam nos finais de tarde para conversar, para refletir sobre o que tinha acontecido no dia e daí louvavam a Deus num momento descontraído.  Podemos ver nas duas ultimas estrofes uma dura realidade do mundo moderno: filhos que tem tudo em questão material, mas não tem sequer um abraço, um carinho dos pais.  Infelizmente é isso que vivemos hoje em dia, e com isso vem o grande fracasso, O DIVÓRCIO, onde filhos são abandonados, muitas vezes condenados a viverem as misérias deste mundo.  Na ultima estrofe, ele diz SE OS PAIS SE AMASSEM, O DIVORCIO NÃO VIRIA.  Realmente , se houvesse amor entre as famílias muitos problemas seriam resolvidos no dialogo e evitaria transtornos maiores na vida matrimonial.  Pense um pouco e reflita:

1 – Quantas vezes você reuniu sua família essa semana para um dialogo descontraído ou para um momento de oração?

2 – Quantas vezes esse mês você reuniu sua família para uma refeição juntos?

3 -  Quantas vezes durante sua vida de casado você tirou um momento no fim do dia para pedir desculpas a sua esposa ou ao seu marido pelos erros cometidos naquele dia?

4 – Quantas vezes, hoje, você parou para fazer um carinho na sua esposa ou no seu marido e lhe dizer EU TE AMO?

5 – Quantas vezes na sua vida de casado você tirou tempo para ficar do lado do seu marido ou da sua esposa quando este esteve doente e precisou de sua maior atenção?

6 - Quantas vezes você sentou com seus filhos para brincar com eles ou conversar e lhes perguntar como foi seu dia?

7 – Quantas vezes você procurou ajudar seus filhos nos seus problemas diários, como na escola, na rua ou até mesmo em casa?

            Isso são coisas básicas, simples, mas que pode manter uma família de pé diante das dificuldades da vida.  De tudo isso, eu considero o item 3 o mais importante, pois foi isso que sustentou minha família de pé por 19 anos, mesmo diante de tantos problemas.  As tempestades vieram, sopraram os ventos, mas a casa não caiu porque estava edificada sobre a rocha (Mateus 7, 25).

E a sua casa, onde ela está edificada?  Sobre a rocha ou sobre a areia?

Nesta semana trabalharemos este sete itens, um a cada dia, e vamos começar a reconstruir o altar da nossa família.  Vamos edificar nossa casa na ROCHA, pois somente assim ela vai permanecer de pé diante das tempestades da vida.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

2ª semana – 08 a 14 de março de 2014

 

 

 

 


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

         Certamente você também já sonhou com uma sociedade mais justa, mais fraterna, mais amiga, enfim, sonhou com um mundo melhor para se viver, não é mesmo?  Pois bem, esse também foi o sonho de Deus ao criar a humanidade, Ele jamais desejou ver seus filhos sofrendo, sendo escravizados ou sendo maltratados, prova disso ele os resgatou do Egito, onde eram escravos e lhes deu uma terra onde passaram a ser livres.  Mas para que continuassem livres, era necessário observar uma condição: deveriam ser fieis às regras de convivência em sociedade.

E disse: Se ouvires atento a voz do Senhor teu Deus, e fizeres o que é reto diante de seus olhos, e inclinares os teus ouvidos aos seus mandamentos, e guardares todos os seus estatutos, nenhuma das enfermidades porei sobre ti, que pus sobre o Egito; porque eu sou o Senhor que te sara.

Êxodo 15:26

         Vamos agora imaginar o que é uma sociedade, ou seja, de que ela é formada.  Sociedade é um conjunto de pessoas que vivem sobre as mesmas leis e regras, e é formada pelas famílias, portanto, somos seres sociais.  Cada família é um tijolo da sociedade.  Poderíamos imaginar a sociedade como uma enorme engrenagem de uma maquina que trabalha sem parar.  Se um dente dessa engrenagem for quebrado, a máquina toda vai parar, portanto, cada família é importante na construção de uma sociedade. 

 

 

         Uma construção se inicia pelo alicerce, e este é quem fornece o reforço para a construção.  Se o alicerce não for bem reforçado, a construção estará sujeita a cair.  As famílias formam esse alicerce, e quando não são bem estruturadas a sociedade fica frágil e sujeita a ter problemas.

         Certamente você está acostumado a ver campanhas e mais campanhas tentando resolver os problemas da sociedade, mas tudo em vão porque não atingem a raiz do problema.  Ainda que prendessem todos os corruptos, todos os malfeitores, todos os traficantes, certamente o problema continuaria porque a raiz vai continuar viva.

 

 

 

Olhe bem para esta arvore e imagine que ela seja a nossa sociedade, e os problemas são os seus galhos.  As raízes são as famílias e o tronco representa os governantes.  Se você cortar apenas os galhos, a raiz continuará viva e sustentando seu tronco, o que fará com que novos galhos cresçam.

         É muito comum você ver pessoas meterem a lenha no sistema político, e realmente este deveria ser um exemplo, mas de nada vai adiantar você espinafrar os governantes se sua família não está sendo um exemplo, ou seja, é de uma família como a sua que saem os governantes, os dirigentes, enfim, pode ser da sua família que vai um dia sair um novo presidente do Brasil.  E ai, que tipo de governante iremos ter?

Se no passado tivéssemos tido mais pais exemplares, hoje teríamos mais filhos exemplares e quem sabe a corrupção seria bem menor, a sociedade seria bem mais pacifica e tranqüila.  Se temos a corrupção, é porque temos o corrupto, e se temos o corrupto é porque alguém o incentivou a isso.  Você pode, inocentemente, estar alimentando a corrupção quando junta pessoas para reclamar ao invés de juntar pessoas para fazer o melhor, para procurar mudar a realidade das famílias.  Se você não cuida bem da sua família, não cuida bem dos seus filhos, não os ensina a palavra de Deus, VOCÊ ESTÁ ALIMENTANDO A CORRUPÇÃO.  Onde há fumaça é porque há fogo.

 

Daí você pode dizer EU SOZINHO NÃO VOU MUDAR O MUNDO, e realmente você não vai mudar o mundo, mas se você tornar sua família um exemplo, pode ter certeza de que já estará fazendo a sua parte e outros poderão seguir o seu exemplo.

         Se você quiser ver uma sociedade mais justa e mais fraterna no futuro, comece hoje mesmo um trabalho de prevenção, comece a mostrar às famílias que elas devem se estruturar porque são o alicerce da sociedade.

         Refletiremos durante esta semana sobre algumas campanhas que faliram sem atingir seu objetivo.  Contamos com a sua colaboração para que este trabalho possa atingir o maior numero de pessoas possíveis.

 

SE VOCÊ É UM CRISTÃO, NÃO IMPORTA DE QUAL IGREJA SEJA,  

 

AJUDE-NOS NESTA MISSÃO.

 

 

 

Seja como o passaro que vendo a floresta em chamas, começa a carregar pequenas gotas de agua e jogar, tentando apagar as chamas.