Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese
Ultimas Atualizações
PROCURANDO UM AMIGO?  (07-08-2018)
SUPERANDO LIMITES  (07-08-2018)
VIVER  (07-08-2018)
RAIO DE LUZ  (07-08-2018)
EU, O NATAL E A BÍBLIA  (07-08-2018)
ADORAÇÃO E LOUVOR  (07-08-2018)
SERVO DO SENHOR  (07-08-2018)
MINHA META
Qual sua meta para 2.018?
Arrumar um emprego
Voltar a estudar
Passar no vestibular
Comprar uma casa
Ser pvomovido na empresa
Realizar um sonho
Nâo tenho meta ainda
Ver Resultados

Rating: 2.8/5 (1932 votos)

ONLINE
1
Partilhe esta Página



 

 

 

 s

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


COMEMORANDO O NATAL
COMEMORANDO O NATAL

NATAL

 

            O que o natal significa para você?  Festas, troca de presentes, bebedeiras, consumismo, é isso que o natal significa para você?  Infelizmente é o que significa para a maioria da humanidade.  Mas e para você que é um cristão, qual o verdadeiro sentido do natal para você?

 

E, tendo nascido Jesus em Belém de Judéia, no tempo do rei Herodes, eis que uns magos vieram do oriente a Jerusalém, 

Mateus 2:1

            É muito emocionante ler esta passagem e ver que Jesus nasceu um dia para trazer a salvação ao mundo, mas porque isso aconteceu?  Você já teve a curiosidade de saber porque ele veio a este mundo?  Já parou para pensar também porque comemorar o seu nascimento com atitudes que ele não aprova?

Muito bem, vamos a uma breve reflexão analisar o PLANO DE SALVAÇÃO oferecido por Deus desde a criação do mundo.  Primeiro vamos dar uma olhada lá no principio, quando tudo foi criado para ver o que aconteceu, para depois entendermos o verdadeiro sentido do natal.

A CRIAÇÃO

No princípio criou Deus os céus e a terra.  E a terra era sem forma e vazia; e havia trevas sobre a face do abismo; e o Espírito de Deus se movia sobre a face das águas. 
Gênesis 1:1-2

            Deus criou o céu e a terra, também criou tudo o que há nela, criou também o ser humano de uma forma especial, com o toque de suas mãos, à sua imagem e semelhança.  Se você ler os capítulos 1 e 2 do livro do Genesis vai ver que tudo o que foi criado era bom, ou seja, perfeito.  Mas ao criar o ser humano, Deus lhe deu uma ordem, a qual ele deveria cumprir para o seu bem, para a sua felicidade, caso contrario sofreria as conseqüências da desobediência e foi justamente o que aconteceu.  Vamos dar uma olhada:

            E tomou o SENHOR Deus o homem, e o pôs no jardim do Éden para o lavrar e o guardar.  E ordenou o SENHOR Deus ao homem, dizendo: De toda a árvore do jardim comerás livremente,  Mas da árvore do conhecimento do bem e do mal, dela não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás. 

Gênesis 2:15-17

            Ai está a ordem de Deus para que o homem não comesse de um determinado fruto do jardim.  Na verdade que fruto era esse?  Será que isso tem alguma coisa a ver com a maçã, como dizem?

Deus não estava preocupado com o fato deles comerem ou não um fruto, o que se esperava aqui era a obediência, fidelidade, honestidade, pois comer ou não comer um fruto não significa nada para o criador.  E hoje, qual será o fruto proibido, aquele que está no meio do jardim?  Esse fruto pode ser o fruto da ganância, do consumismo desenfreado, o fruto da inveja, o fruto dos prazeres temporais, enfim, existe uma serie de frutos que nos levam a morte.

 

O PECADO

            Ora, a serpente era mais astuta que todas as alimárias do campo que o SENHOR Deus tinha feito. E esta disse à mulher: É assim que Deus disse: Não comereis de toda a árvore do jardim?
E disse a mulher à serpente: Do fruto das árvores do jardim comeremos,  Mas do fruto da árvore que está no meio do jardim, disse Deus: Não comereis dele, nem nele tocareis para que não morrais.
Então a serpente disse à mulher: Certamente não morrereis.

Porque Deus sabe que no dia em que dele comerdes se abrirão os vossos olhos, e sereis como Deus, sabendo o bem e o mal.

E viu a mulher que aquela árvore era boa para se comer, e agradável aos olhos, e árvore desejável para dar entendimento; tomou do seu fruto, e comeu, e deu também a seu marido, e ele comeu com ela 
Gênesis 3:1-6    

        A mulher achou que o fruto era interessante, comeu e deu ao seu marido, mas na verdade o que foi que aconteceu?  Já vimos que não se trata de um fruto apenas, mas sim dos desejos carnais do ser humano, e aqui não foi diferente.  Preste bem atenção no que a serpente fala pra mulher: NO DIA EM QUE DELE COMERDES, SEREIS IGUAL A DEUS, veja que ai é que está o problema, a cobiça.  Se Deus havia dito para não comer, por que obedecer a voz da serpente?  Preste atenção que aqui já estão colocando alguém no lugar de Deus criador, alem do mais estão se tornando auto-suficientes, ou seja, não precisam receber ordens, são capazes de fazer o que bem quiser.  Se você continuar a ler o capitulo 3, vai ver que começaram a sofrer as conseqüências do seu erro praticado.  Veja:

            No suor do teu rosto comerás o teu pão, até que te tornes à terra; porque dela foste tomado; porquanto és pó e em pó te tornarás.  E chamou Adão o nome de sua mulher Eva; porquanto era a mãe de todos os viventes.  E fez o SENHOR Deus a Adão e à sua mulher túnicas de peles, e os vestiu.

Gênesis 3:19-22

            A pior de todas foi a morte, como havia sido dito antes, mas em sua infinita misericórdia Deus já havia planejado um meio de salvar esse homem criado caso ele caísse em pecado, e foi isso que ele fez, já no jardim você pode notar que dois animais foram mortos, dois carneiros, mas isso já apontava para o cordeiro de Deus que havia de vir para morrer em lugar do pecador.

Jesus veio para cumprir essa promessa que foi feita lá na criação, seu objetivo foi salvar a humanidade do pecado e para isso ele nasceu em uma família humilde, viveu na humildade, ensinou como viver de acordo com a vontade de Deus e no fim da sua missão ele morreu na cruz.

 

COMO COMEMORAR BEM O NATAL?

            Já que o natal é para comemorar o nascimento de Jesus, deveria ser comemorado de uma forma religiosa, esse tempo deveria ser um tempo de deserto, de reflexão, de oração, de conversão acima de tudo e não um tempo de farra, de algazarra, como muitos fazem.  Quanto a troca de presentes, tudo bem, os magos também levaram presentes para o menino Jesus, mas isso não deveria ser o único objetivo do natal.  É muito bom reunir famílias, amigos para festejar, mas tudo deveria ser feito com sobriedade, lembrando em primeiro lugar do aniversariante.  O maior presente que você pode dar a Jesus é o seu coração, a sua vida, ele não quer bens materiais.  Esse é o menos lembrado nessa época.

            Que neste natal Jesus possa nascer em seu coração, fazer morada, e também nascer no coração de muitos que ainda não conhecem o verdadeiro sentido do natal.

            TENHA UM FELIZ NATAL, MUITA PAZ E MUITAS BENÇAOS.