Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese
Ultimas Atualizações
O CONVITE E A CONVERSÃO  (06-10-2018)
DESPERTAR PARA DEUS  (08-09-2018)
PROCURANDO UM AMIGO?  (07-08-2018)
SUPERANDO LIMITES  (07-08-2018)
VIVER  (07-08-2018)
RAIO DE LUZ  (07-08-2018)
EU, O NATAL E A BÍBLIA  (07-08-2018)
MINHA META
Qual sua meta para 2.018?
Arrumar um emprego
Voltar a estudar
Passar no vestibular
Comprar uma casa
Ser pvomovido na empresa
Realizar um sonho
Nâo tenho meta ainda
Ver Resultados

Rating: 2.7/5 (2168 votos)

ONLINE
1
Partilhe esta Página



 

 

 

 s

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


TUDO POSSO, MAS NEM TUDO ME CONVÉM
TUDO POSSO, MAS NEM TUDO ME CONVÉM

 

"Assim como foi nos dias de Noé, também será nos dias do Filho do homem.
O povo vivia comendo, bebendo, casando-se e sendo dado em casamento, até o dia em que Noé entrou na arca. Então veio o dilúvio e os destruiu a todos. "Aconteceu a mesma coisa nos dias de Ló. O povo estava comendo e bebendo, comprando e vendendo, plantando e construindo.  Mas no dia em que Ló saiu de Sodoma, choveu fogo e enxofre do céu e os destruiu a todos.  Lucas 17:26-29

Paulo diz em uma de suas cartas: Todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas convêm; todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas edificam. (1 Coríntios 10:23).  Nesta passagem o apóstolo Paulo esclarece que tudo o que faz é por amor ao evangelho e ao ser humano, para o qual Jesus Cristo deu a própria vida e deixa bem claro que somos LIVRES para tomar qualquer decisão em nossa vida, mas que todas as decisões têm consequências que muitas vezes são fatais e irreversíveis.

            Podemos observar que, em nossos dias, as pessoas não estão sendo preparadas para enfrentar situações difíceis em que vivemos, como por exemplo, as famílias não estão preparadas para enfrentar seus desafios.  Prova disso é o enorme numero de divórcios e separações que vemos acontecer a cada dia, número esse que cresce assustadoramente.  Veja esse anuncio:

Número de divórcios no país cresce 4,7% em um ano no Brasil

(visite o site e leia a matéria completa - http://edicaodobrasil.com.br/2018/03/28/numero-de-divorcios-no-pais-cresce-47-em-um-ano/)

 

            Pior de tudo é que, muitas vezes, isso acontece por motivos injustificáveis, os quais poderiam ser solucionados com um simples diálogo, mas em nossos dias as famílias não tem mais diálogo.  É lamentável vermos crianças abandonadas pelas “calçadas” da vida, sem esperança, sem teto, sem lar, sem família; muitos buscando solução para seus problemas no submundo das drogas, da prostituição ou do crime em geral.  Será que podemos dormir tranquilamente e fingir que nada está acontecendo, ou que não temos nada a ver com isso?

            É muito fácil apontar os erros do próximo, julgar quem está no poder, julgar as autoridades que, muitas vezes não punem os infratores como queríamos ver, o difícil é olhar para seus atos e reconhecer sua parcela de culpa.  Será que se a justiça prendesse todos os infratores que existem, independente de ser adulto ou menor de idade, resolveria o problema da violência no Brasil?  Será que se tirassem todos os corruptos do poder e colocasse pessoas que julgamos “honestas” no poder, resolveria o problema da corrupção no Brasil?  Mas você pode pensar no seguinte: não existira cadeia suficiente para tanta gente corrupta e malfeitora! Então vamos ser mais radicais um pouco, implantar pena de morte no Brasil, assim exterminaríamos todos os malfeitores, independente de ser menor de idade, mulher, etc. será que assim o problema estaria resolvido de vez?

Certamente NÃO!  Tudo isso não passaria de medidas paliativas, seria apenas mascarar o problema.  Daí então você pergunta: MAS ONDE ESTÁ A SOLUÇÃO?

Talvez não seja tão simples assim responder uma questão complexa como essa, mas se você parar e pensar um pouco vai ver que também não é tão difícil assim.  Em primeiro lugar, temos que entender que a sociedade é formada por FAMÍLIAS, e que se, cada família tiver um bom exemplo, um testemunho de vida exemplar, certamente muita coisa mudaria.

É preciso lembrar que, o malfeitor não nasce malfeitor; o ladrão não nasce ladrão; o traficante não nasce traficante; o assassino não nasce assassino, enfim, VOCÊ NÃO NASCEU como você é hoje, você se tornou essa pessoa que é hoje porque você teve uma família, teve uma sociedade, as quais te moldaram; te ensinaram muitas coisas, boas ou ruins, você estudou e se formou, por isso chegou onde chegou.   Porventura você já viu um nenê fumando um cigarro de maconha no lugar da chupeta?  Já viu um nenê mamando cachaça na mamadeira no lugar do leite?  Já viu alguma criança pequena, que teve uma família exemplar, matando seu semelhante para se divertir?  Ou roubando para se sustentar?

Se existe o malfeitor, o ladrão, o corrupto, o assassino, o desonesto, O CULPADO É VOCÊ!  Você que não tem a responsabilidade de assumir seu filho, de reconhecer sua paternidade ou maternidade; é você que abandona sua família, você que abandona seus filhos pelo mundo, você que não educa seus filhos.  Depois fala que o mundo está perdido, fala que os políticos são corruptos, mas se esquece de olhar que VOCÊ é farinha do mesmo saco. (HIPÓCRITA!  TIRE PRIMEIRO A VIGA DO SEU OLHO, E ENTÃO VOCÊ VERÁ CLARAMENTE PARA TIRAR O CISCO DO OLHO DO SEU IRMÃO.  MATEUS 7:5)

Mais uma vez você pode questionar: uma andorinha sozinha não faz verão.  Tenho certeza de que não, mas se ela começar a voar vai fazer muita diferença, pois outras poderão lhe seguir.  Da mesma maneira, você sozinho não vai mudar o mundo, mas se começar a mudar sua vida, muitos poderão começar a seguir seu exemplo.

            Pense nisso e comece a mudar de vida hoje mesmo, assim, quem sabe dentro de alguns anos algo comece a mudar na nossa sociedade.

            Tenha um bom dia na paz do Senhor!